Projecto Artémis ® - Forum

Fetos: «Cinco mortes são infeliz coincidência»

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Fetos: «Cinco mortes são infeliz coincidência»

Mensagem  Projecto Artémis em Qua Dez 12, 2007 11:07 pm

Barreiro: nos casos registados as mães tinham problemas de saúde

O presidente do Colégio de Obstetrícia da Ordem dos Médicos considerou esta quinta-feira «uma coincidência que nada tem a ver com a assistência médica» o caso dos cinco fetos mortos registados no Hospital do Barreiro desde 20 de Setembro, escreve a Lusa.
A rádio Antena 1 noticiou que o Hospital do Barreiro registou em pouco mais de um mês cinco fetos mortos, um valor próximo do total verificado em 2006 naquele hospital.
«Este caso configura aquilo a que chamamos lei das séries. Em saúde também temos de nos conformar com a regra da coincidência», declarou à agência Lusa Luís Graça, do Colégio de Obstetrícia da Ordem.
Este médico salientou ainda que apenas uma destas cinco situações era uma gravidez de termo (pelo menos 37 semanas de gestação) e que todos os casos são diversos uns dos outros.
«Apenas uma foi uma morte fetal inexplicada num feto de termo, que é uma situação que pode acontecer no Hospital do Barreiro ou em qualquer outro,quer aqui como na Suécia», comentou.
Quanto aos outros casos, Luís Graça disse que respeitavam a situações em que a morte fetal poderia ser esperada.
Além da gravidez de termo, as outras situações eram duas gravidezes entre as 28 semanas e 37 semanas e outras duas de grandes prematuros, entre as 24 e as 28 semanas.
Entre as mulheres registaram-se duas situações de complicações graves de doença hipertensiva da gravidez, uma patologia cardíaca e duas doenças crónicas não especificadas.

Mães tinham problemas de saúde

Depois de uma investigação interna, a directora do serviço de obstetrícia,Ana Paula Lopes, garantiu à Antena 1 que os fetos mortos não tinham qualquer doença detectada, ao contrário das cinco mães.
«Tal como muitas patologias do foro obstétrico há flutuações e picos, nenhum destes casos têm uma causa comum. Eram gravidezes vigiadas. As grávidas tinham patologias diferentes entre si. Não há qualquer elo comum ou relação entre as situações. Pensamos que se trata de uma coincidência infeliz», referiu.
A médica garantiu não haver razão para preocupações. «Ao longo dos
anos estes casos acontecem em várias instituições e por todo o mundo e não há razão para que volte a acontecer. Nós até agora temos tido uma média muito baixa (de mortes de fetos no útero), tal como se tem vindo adiminuir a morte perinatal», referiu.
A especialista referiu que as análises e ecografias realizadas não detectaram qualquer anomalia, acrescentando que as causas de mortes fetais no útero são variadas e vão desde infecções a doenças maternas.
Apenas se evitam mortes fetais quando se conhecem exactamente as
razões para tal acontecer como quando há patologia grave do feto ou da mulher, acrescentou. Todas as grávidas estavam a ser seguidas: três vigiadas no próprio hospital e duas em centro de saúde. Por conhecer estão ainda os resultados das autópsias aos fetos.
Em 2006 foram registados naquele hospital seis nados-mortos, o mesmo número referido entre Janeiro e Setembro do presente ano.
Destes últimos, o hospital indicou que dois fetos tinham malformações
cardíacas, duas mortes fetais ocorreram em grávidas portadoras de
patologia grave induzida pela gravidez e duas gravidezes não eram vigiadas.
São considerados fetos mortos todos os fetos com morte fetal no
útero com idade estaciona igual ou superior a 24 semanas (seis meses).

Nove fetos mortos desde Janeiro

O hospital de Nossa Senhora do Rosário, EPE, precisou que se
registaram desde o início do ano nove fetos-mortos no seu serviço
de urgência obstétrica e ginecológica e que todos os fetos entraram sem vida naquele local.
A responsável do serviço de obstetrícia, Ana Paula Lopes sublinhou à rádio que na estatística geral os nove casos representam 4,5 por mil nascimentos,o «que ainda assim é inferior à média da União Europeia (5 a 6) e bastante boa para Portugal»

_________________
Um bem haja
Projecto Artémis
A Direção

Contato tlm: 938633707
avatar
Projecto Artémis
Admin
Admin

Número de Mensagens : 515
Localização : Portugal
Data de inscrição : 08/12/2007
Reputação : 17
Pontos : 4024

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/associacaoartemis

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum